Twitter aumenta o limite das mensagens para 280 caracteres

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Navegação Internet
Outras notícias sobre Internet

28 de setembro de 2017

A icônica rede social de mensagens curtas, Twitter, anunciou que aumentará o limite dos caracteres das mensagens da plataforma de 140 a 280 caracteres.

O Twitter foi criado com o limite de 140 caracteres porque o máximo de caracteres que podem ser recebidos por mensagens de texto móveis são de 160 caracteres.
'

A medida anunciada por Jack Dorsey, cofundador do Twitter, permitirá que os usuários possam escrever uma mensagem mais longa do que a atual, e assim evitando segmentar em tantas mensagens ideias tão extensas em idiomas das palavras são largas, como inglês, espanhol e francês. Os testes desta nova funcionalidade foram desenvolvidas em vários idiomas e com pessoas selecionadas aleatoriamente para avaliar a plataforma.

Na mesma rede social, vários usuários ficaram céticos com a medida, já que, segundo dizem, haverá perda sua essência como rede social de mensagens curtas, embora outras tenham celebrado, ao assegurar que ele permitirá escrever ideias mais complexas sem a necessidade de segmentá-los em tantas mensagens. Um dos testes que mais chamou atenção em espanhol foi protagonizado pela conta da empresa HBO Latinoamérica onde indicaram, com o novo limite, todos os títulos de nobreza do personagem de ficção da série Game of Thrones, Daenerys Targaryen.

Ahora sí: Daenerys de la Tormenta, de la Casa Targaryen, Heredera legítima del Trono de Hierro, Reina de los Ándalos y los Primeros Hombres, Protectora de Los Siete Reinos, la Madre de Dragones, la Khaleesi del Gran Mar Verde, la que no arde, la Rompecadenas. #twitter280
(Agora sim: Daenerys da Tormenta, da Casa Targaryen, Herdeira legítima do Trono de Ferro, Rainha dos Ándalos e os Primeiros Homens, Protetora dos Sete Reinos, a Mãe dos Dragões, a Khaleesi do Grande Mar Verde, que não arde, a Rompecadenas. #twitter280)

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati