Wikinotícias:Espaço de trabalho

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Bem-vindo ao Espaço de Trabalho

O Espaço de Trabalho é a central de criação de artigos para o Wikinotícias. Nela é possível criar novos artigos e ver aqueles que estão em fase de desenvolvimento*.

Desenvolvimento de artigos

Coloque um título aqui para começar uma nova notícia
Don't speak Portuguese?

Verifique se alguém já não escreveu uma notícia semelhante e procure seguir as nossas políticas de publicação.
Ajuda | Registre-se

Ajuda

Artigos em desenvolvimento


Artigos que precisam de ajuda

<DynamicPageList> category=Artigos que precisam de ajuda notcategory=Artigos abandonados addfirstcategorydate=true namespace=(Principal) count=200 suppresserrors=true

Artigos em processo de tradução

Os artigos abaixo em sua maioria são colaborações de participantes de edições internacionais do Wikinotícias.


Artigos que precisam ser wikificados


Artigos em disputa


Sem referências


Violação de direito autoral


Lixeira Nuvola filesystems trashcan full.png

Os artigos listados nesta secção serão removidos em breve. Se não concorda por favor entre em contato com um administrador ou exponha seus argumentos na Esplanada ou na página de discussão do artigo.



Destaques na Página Principal

Qualquer colaborador pode alterar os destaques na Página Principal. A única recomendação é não substituir destaques que estão em exibição por um período inferior a 1 (uma) hora, exceto nos casos excepcionais quando uma notícia for considerada de extrema relevância.

Destaque Principal

Foto meramente ilustrativa

COVID-19: óbitos continuam e Brasil assume 4º lugar no ranking das fatalidades

30 de maio de 2020

Um dia depois de assumir o 5º lugar no ranking de mortes do “Mapa do Coronavírus” da JHU, deixando para trás a Espanha, então com 27.121 óbitos, o Brasil ultrapassou hoje também a França, que contabiliza 28.774 mortes durante a pandemia de COVID-19.

Com 28.834 casos fatais, os prognósticos não são bons para o país da América, pois com uma média de 1.056 mortes nos últimos dois dias (28 e 29), o Brasil deve ocupar nos próximos dias também o lugar da Itália, atualmente em 3º na lista.

Leia mais...

editar

Destaque Secundário 1

COVID-19: após uma semana de uso, cloroquina se prova ineficaz e óbitos sobem no Brasil

28 de maio de 2020

Após 07 dias de uso – o chamado “Protocolo da Cloroquina” foi expedido no dia 20 de maio – as substâncias cloroquina e hidroxicloroquina não conseguiram reduzir as mortes por Sars-CoV-2 no Brasil. Eram 18.859 óbitos no dia 20 e ontem, dia 27, o Ministério da Saúde (MS) noticiou 25.598 óbitos, o que significa uma média de 962 fatalidades/dia neste período, portanto. Na semana anterior, inclusive, a média foi inferior, pois entre os dias 13 e 20 de maio as fatalidades/dia foram de 815.

Segundo o “Protocolo da Cloroquina”, os pacientes devem receber o medicamento durante cinco dias, o que deveria ter feito os óbitos diminuírem esta semana, ao menos nos últimos dois dias. No entanto, só do dia 26 para o dia 27 houve 1.086 vítimas fatais da COVID-19 no país. O recorde de mortes/dia até agora foi entre os dias 20 e 21 deste mês: 1.188 óbitos.

Estudos – um feito no Amazonas, com ajuda da Fiocruz, há cerca de um mês e outro publicado pela revista The Lancet dias atrás – já indicavam que os medicamentos não tinham efeitos positivos no tratamento de COVID-19, podendo, inclusive, segundo o estudo da The Lancet, piorar a condição do paciente devido a sua propensão a causar problemas no coração.

Leia mais...

editar


Destaque Secundário 2

Imagem meramente ilustrativa

COVID-19: 35% dos brasileiros está sofrendo com problemas relacionados à saúde mental

30 de maio de 2020

Mais de 2.000 pessoas foram entrevistadas entre abril e maio para mais uma etapa da pesquisa Vigitel, encomendada pelo Ministério da Saúde (MS).

Uma parte do estudo dedicou-se a apurar os problemas relacionados à saúde mental que têm afetado os brasileiros durante a pandemia: 35,3% relatou falta de interesse em fazer as coisas; 32,6% disseram se sentir para baixo ou deprimido; 30,7% se sentir cansado, com pouca energia; 17,3% descreveram lentidão para se movimentar ou falar ou estar muito agitado ou inquieto; 16,9% relataram sentir dificuldade para se concentrar nas coisas e 15,9% disseram se sentir mal consigo mesmo ou achar que decepcionou pessoas queridas.

Leia mais...

editar

Destaque Secundário 3

Imagem meramente ilustrativa

Brasil: rejeição a Bolsonaro sobe, segundo nova pesquisa

29 de maio de 2020

Os resultados de uma nova pesquisa feita pelo Instituto de Pesquisas Datafolha indicam que o presidente Jair Bolsonaro continua perdendo popularidade. No quesito “Avaliação do Governo Bolsonaro”, na última pesquisa feita, nos dias 25 e 26 de maio, 43% consideraram o governo ruim ou péssimo. Na pesquisa anterior, feita no dia 27 de abril, esta cifra era de 38%. Por outro lado, o número dos que achavam ótimo ou bom sem manteve estável: 33%.

Outros dados da pequisa

  • 64% dizem que Bolsonaro agiu mal ao demitir o ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta
  • 61% acredita que Bolsonaro quis interferir na Polícia Federal
  • 39% avaliam como ruim ou péssimo o gerenciamento da "crise da COVID" pelo presidente, enquanto 33% dizem achar bom ou ótimo
  • 37% dos pesquisados acham que Bolsonaro deveria renunciar, enquanto 59% acredita que ele deveria continuar no cargo

Leia mais...

editar

Destaque Secundário 4

Foto meramente ilustrativa

Trump anuncia término da relação com a OMS

29 de maio de 2020

Numa coletiva de imprensa realizadas horas atrás, o presidente americano Donald Trump anunciou que os Estados Unidos (EU) estão terminando hoje sua relação com a Organização Mundial da Saúde (OMS - WHO em inglês). O motivo é o descontentamento de Trump com a OMS devido ao gerenciamento da pandemia de COVID-19. "Por pressão da China, a OMS liderou mal a resposta do mundo, logo após o vírus ser descoberto", disse, enfatizando que a pandemia já custou a vida de mais de 100 mil americanos e mais de 1 milhão no mundo todo (atualmente são cerca de 363 mil mortes, segundo o Mapa do Coronavírus da JHU, e não 1 milhão).

Leia mais...

editar

Destaque imagem

Um pinguim imperador saltando para fora da água na Antártida

Créditos: Christopher Michel
Pinguim saltando para fora da água na Antártida
 » Arquivo

editar