Wikinotícias:Espaço de trabalho

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bem-vindo ao Espaço de Trabalho

O Espaço de Trabalho é a central de criação de artigos para o Wikinotícias. Nela é possível criar novos artigos e ver aqueles que estão em fase de desenvolvimento*.

Desenvolvimento de artigos

Coloque um título aqui para começar uma nova notícia
Don't speak Portuguese?


Verifique se alguém já não escreveu uma notícia semelhante e procure seguir as nossas políticas de publicação.
Ajuda | Registre-se

Ajuda

Artigos em desenvolvimento


Artigos que precisam de ajuda

<DynamicPageList> category=Artigos que precisam de ajuda notcategory=Artigos abandonados addfirstcategorydate=true namespace=(Principal) count=200 suppresserrors=true

Artigos em processo de tradução

Os artigos abaixo em sua maioria são colaborações de participantes de edições internacionais do Wikinotícias.


Artigos que precisam ser wikificados


Artigos em disputa


Sem referências


Violação de direito autoral


Lixeira Nuvola filesystems trashcan full.png

Os artigos listados nesta secção serão removidos em breve. Se não concorda por favor entre em contato com um administrador ou exponha seus argumentos na Esplanada ou na página de discussão do artigo.



Destaques na Página Principal

Qualquer colaborador pode alterar os destaques na Página Principal. A única recomendação é não substituir destaques que estão em exibição por um período inferior a 1 (uma) hora, exceto nos casos excepcionais quando uma notícia for considerada de extrema relevância.

Destaque Principal

Brasil

Cepal prevê crescimento econômico médio de 2,2% para América Latina e Caribe em 2018

14 de dezembro de 2017

Relatório elaborado pela Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal) mostra que as economias dos países latino-americanos e caribenhos devem ter crescimento médio 2,2%, em 2018, estimuladas, principalmente, pelo crescimento do consumo e investimento doméstico e um cenário internacional mais favorável. De acordo com o levantamento, no ano que vem o Brasil deve ter crescimento econômico de 2%, frente a expansão de 0,9%, de 2017.

Segundo o Balanço Preliminar das Economias da América Latina e do Caribe 2017, divulgado hoje (14), exceto para a Venezuela, 2018 será um ano de “moderada recuperação” econômica para as economias do continente, que este ano devem registrar expansão de 1,3%.

O Panamá, de acordo com a Cepal, será a economia com a maior taxa de expansão em 2018, com 5,5%, seguida da República Dominicana (5,1%), e da Nicarágua (5,0%). O Chile, que teve crescimento econômico de 1,5% em 2017, deve atingir 2,8% em 2018. Já a Colômbia passará de 1,8% para 2,6%, e o Peru, de 2,5% para 3,5%. Cuba e Equador terão taxa de crescimento de aproximadamente 1%, 1,3%, respectivamente, enquanto a Venezuela deverá encolher 5,5%.

Para Cepal, a demanda interna desempenhará um papel importante na aceleração do crescimento em 2018. O consumo privado continuará sendo um “motor da demanda interna”. Ainda segundo o relatório, em 2018 a expectativa é de que a economia global se expanda a taxas próximas às de 2017, em torno de 3%, e que haja um maior dinamismo relativo das economias emergentes frente às desenvolvidas.

Em relação ao Brasil, a Cepal afirma que a economia do país demonstrou este ano “capacidade de responder a estímulos de crescimento”, embora pondere que o consumo interno tenha sido estimulado pela liberação dos recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Para a Cepal, a queda da taxa de juros deve permitir maior expansão do crédito e um aumento de investimentos fixos.

“Se no cenário externo, os preços dos produtos básicos continuam a ser favoráveis e não há movimentos de fluxos de capital especulativo devido a tensões políticas, pode-se esperar uma maior taxa de crescimento econômico em 2018”, diz trecho do relatório.
 » História completa


editar

Destaque Secundário 1

Sede principal de The Walt Disney Company.

Disney compra 21st Century Fox por 52 mil 400 milhões de dólares

14 de dezembro de 2017

The Walt Disney Company anunciou a compra dos ativos de cinema e televisão da 21st Century Fox em um acordo avaliado em 52 mil 400 milhões de dólares, além de assumir sua dívida líquida de 13 mil 700 milhões. Com a operação, a Disney obtém a biblioteca de conteúdo de sua rival, bem como sua rede de distribuição internacional, canais de televisão e maior controle da Hulu, plataforma de vídeo sob demanda que ABC compartilha com FOX, NBC e Time Warner.

Esta é a última jogada da empresa em sua crescente concorrência com Netflix e Amazon.com. Adiciona-se também às compras anteriores da Pixar, Marvel e Lucasfilm. De acordo com o acordo, os acionistas da 21st Century Fox receberão 0,2745 ações da Disney por cada ação do 21st que possuem. No total, os proprietários de Fox terão 25% de controle da Disney quando a compra for finalizada.

O acordo também significa que a Disney agora terá os estúdios 20th Century Fox, Fox Searchlight Pictures e Fox 2000, canais de televisão 20th Century Fox Television, FX Productions, Fox21, National Geographic Partners, Fox Sports Regional Networks, Fox Networks Group International, Star India e as participações da 21st em Hulu, Sky plc, Tata Sky e Endemol Shine Group.

Os ativos restantes, Fox News, Fox Business, FS1, FS2 e Big Ten Network, formarão parte de uma nova empresa. Robert Iger, diretor exercutivo da Disney, explicou que a compra reflete a crescente demanda do público por conteúdo "rico" e uma experiência "diversa". Iger e homólogo da 21st, Rupert Murdoch, assinaram o acordo em Londres.
» História completa | [[|» ]]

editar


Destaque Secundário 2

Ortega em uma reunião com o ministro das relações exteriores do Equador em 2013

Presidente da Nicarágua, Daniel Ortega, é acusado de estrupo

Uma mulher de idade adulta fez uma grave acusação contra o presidente de seu país, Nicarágua, Daniel Ortega Saavedra. "Sou uma vítima de Daniel Ortega", disse por telefone Elvia Junieth Flores Castillo, de 28 anos, que agregou que é uma "injustiça" o que o levou a romper o silêncio durante uma conferência de imprensa em Miami, que ofereceu quatro de seus oito irmãos para denunciar o caso.

Além disso, disse que o presidente manteve seu cativeiro na Nicarágua. Elvia Junieth Flores afirma "ser a principal vítima do abuso do poder" do presidente Daniel Ortega, por supostamente tê-la submetida aos assédios sexuais desde os 15 anos. Além disso, contou entre lágrimas, o presidente a tem cativa em seu país "com limitada liberdade de movimento".

Tenho a mesma situação que tem meu irmão. Ele está em uma prisão e eu estou em uma casa.

Foi o que mencionou por telefone Elvia Junieth, que afirmou não ter mais relação com o chefe de Estado.

Os irmãos de Junieth também disseram que seu mencionado irmão, que se chama Santos Sebastián Flores Castillo, foi preso "injustamente" por ter defendido sua irmã. Sujey Flores, uma das consanguíneas de Elvia Junieth que ofereceu a conferência de imprensa, expressou que esta situação enluta a sua família há mais de 10 anos e portanto, seus irmãos têm procurado "refúgio" nos Estados Unidos. Uma fonte disse ao jornal Las Américas, que após a publicação da investigação realizada por essa mídia, a jovem foi presumivelmente forçada a uma segunda gravidez; no entanto, Elvia Junieth não queria falar sobre isso para proteger suas filhas.
 » História completa


editar

Destaque Secundário 3

Angola

Filipe Nyusi e Afonso Dhlakama encontram-se na Gorongosa

O Presidente moçambicano encontrou-se nesta quarta-feira, 13, com o líder da Renamo Afonso Dhlakama na Gorongosa, confirmou à VOA uma fonte do processo.

Nyusi e Dhlakama estiveram reunidos por mais de 2 horas, mas não houve qualquer confirmação se os dois líderes analisaram os documentos sobre a descentralização, um assunto que deverá entrar na Assembleia da República, após um acordo entre o Governo e a Renamo.

A VOA testemunhou o desembarque da comitiva presidencial no fim da tarde no aeródromo de Chimoio, a capital de Manica, que, de seguida, embarcou num voo privado para Maputo.

Nyusi deslocou-se de helicóptero, acompanhado de uma pequena equipe de segurança e alguns embaixadores, que estão a mediar as negociações.

Na próxima semana Filipe Nyusi deverá apresentar o Estado da Nação ao parlamento, quando o assunto de paz é muito questionada, um ano depois de uma trégua, sem avanço nas negociações.
» História completa | [[|» ]]

editar

Destaque imagem

Monum -Senna 05.JPG

Creditos: Renzo Grosso
Monumento a Ayrton Senna
 » História completa » Arquivo

editar