Vazam dados de mais de 40 milhões de usuários do Telegram

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

26 de junho de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Um banco de dados com informações sobre vários milhões de usuários do Telegram vazou. O arquivo de 900 megabytes contém identificadores de usuário e números de telefone, informou o portal da Durov Code.

As capturas de tela do portal mostram que o arquivo contém informações sobre mais de 40 milhões de pessoas. Os editores da publicação verificaram o arquivo e encontraram o número de seus funcionários.

O serviço de imprensa do aplicativo disse que essas informações são coletadas através da função interna de importar contatos. A empresa garantiu que a maioria das contas divulgadas não são ativas. Mais de 84% dos dados foram coletados até meados de 2019. Quase 70% das contas são de usuários do Irã e 30% da Rússia.

No verão de 2019, a configuração "Quem pode me adicionar aos contatos por número de telefone" apareceu no Telegram. De acordo com o serviço de imprensa, dificulta aos usuários o uso do aplicativo (eles se tornam "invisíveis" mesmo para quem sabe seu número), mas permite que "dissidentes e ativistas de protesto ocultem completamente a conexão entre sua conta e número de telefone".

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit