Morrem dois padres católicos em Puebla por COVID-19

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Catedral de Puebla.
Foto: JavierDo.

15 de abril de 2020

A Arquidiocese de Puebla informou que morreram dois padres vítimas da COVID-19 após permanecer hospitalizados por duas semanas, fato que foi lamentado pela Conferência do Episcopado Mexicano (CEM), instituição que conglomera a todas as dioceses e arquidioceses da República Mexicana, por serem os primeiros casos de sacerdotes falecidos no país.

Os nomes dos padres falecidos são José Guadalupe Sanguino Fuentes de 85 anos e Valentín Ramírez Tlaque de 68 anos que formam parte das 36 pessoas que até agora morreram durante a epidemia da COVID-19 neste estado do centro do país, onde também foram confirmados os 284 casos, a maioria na qual foram relatadas na cidade de Puebla.

No momento, a Igreja Católica no México mantém restrições para a celebração do culto, fazendo-o somente de forma privada e transmitindo pelos meios de comunicação; inclui as celebrações da Semana Santa que foram realizadas a porta fechada em todo o país para evitar mais contágio entre a população e atendendo as instruções das autoridades.

Fuentes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com