Morre aos 40 anos, o criminoso moçambicano Annanias Mathe

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Portal Obituário
Outras notícias sobre obituário

29 de dezembro de 2016

Annanias Mathe, um infame criminoso Sul-Africano, morreu na última terça-feira (27) no hospital. Seus crimes inclui violação (ou estupro) e assassinato, ele escapou de custódia várias vezes.

Mathe, era moçambicano, de acordo com o serviço prisional vinha sofrendo problemas digestivos há semanas. Ele morreu na terça-feira no King Edward VIII Hospital (Hospital Rei Eduardo VIII) em Durban. Foi residente em uma prisão de alta segurança em Kokstad, longe de Gauteng onde cometeu a maioria de seus crimes.

Transferido para Kokstad depois de várias fugas entre 2002 e 2006, Mathe tentou duas vezes fugir da instalação de alta segurança. Em 2013 ele tentou túnel fora de sua cela e há três meses ele tentou abaixar-se fora de sua cela com lençóis amarrados. Outros crimes incluíram o roubo, o housebreaking, e fatalmente envenenamento de treze cães.

Erickson Zungu, porta-voz do Partido Liberdade Nacional em KwaZulu-Natal, criticou a falta de pena capital no país e disse que isso deve estar disponível para os infratores como Mathe. "É fato incontestável que o governo poderia ter economizado muito tempo e recursos estatais se o governo optasse pela pena de morte [...] os contribuintes gastam diariamente dinheiro em Mathe que poderia ter sido usados ​​com sabedoria", disse Zungu.

Seu partido está buscando a consulta pública e a consideração do governo da edição.

Notícia Relacionada

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati