Covid-19: Islândia libera entrada de viajantes que apresentem comprovante de vacinação

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

20 de fevereiro de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

A Islândia adotou ontem novas medidas para viajantes que entram no país, entre as quais isentar da apresentação de testes PCR e de cumprir quarentena aqueles que fornecerem prova de já terem sido vacinados ou de já terem tido covid-19. Ambas as situações garantem imunidade contra o Sars-Cov-2, com raras exceções, como no caso de reinfecções ou da vacina não fazer efeito no sistema imunológico.

Para os demais, o protocolo continua sendo o de rastreio duplo: é necessário apresentar um teste PCR negativo feito até 72 antes da viagem, além de fazer um novo teste na chegada ao país e cumprir uma quarentena de cinco dias, após a qual o viajante deve fazer um novo teste.

A primeira-ministra da Islândia, Katrín Jakobsdóttir, disse: "Ao exigir que todos os passageiros apresentem um teste PCR negativo feito antes do embarque, estamos reduzindo a probabilidade de uma pessoa iniciar uma viagem sem saber que está infectada pelo vírus". Ela também disse que a partir de 1º de maio próximo a medida da quarentena obrigatória pode ser cancelada para quem vier de países com a pandemia sob controle, desde que os viajantes apresentem um teste PCR negativo.

Nenhum caso de transmissão comunitária foi identificado na Islândia desde 20 de janeiro passado.

O país tem hoje, segundo o Worldometer, 6.045 casos confirmados de covid e 29 óbitos.

Notícia Relacionada

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit