Vazamento de gás tóxico na Jordânia mata doze pessoas

30 de junho de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Vazamento de gás cloro no porto de Aqaba na Jordânia matou pelo menos doze pessoas e feriu mais de 265. O incidente ocorreu quando um contêiner com 25 toneladas de gás cloro caiu de um guindaste em um navio ancorado e se rompeu. O guindaste estava carregando um dos vários contêineres de armazenamento de produtos químicos pressurizados no navio porta-contêineres Forest 6 para exportação para Djibuti.

O sistema de cabeamento do guindaste falhou e um contêiner, contendo cerca 25 t de cloro fazendo com que o cloreto explodisse do contêiner. O gás então se espalhou por todo o porto.

O porto foi imediatamente evacuado enquanto os socorristas trabalhavam para dar atendimento médico aos trabalhadores portuários afetados. Os feridos foram transportados para dois hospitais estaduais, um hospital de campanha e uma unidade privada. O diretor de saúde de Aqaba, Jamal Obeidat, disse que os hospitais de Aqaba estão lotados e que "as pessoas feridas estão em estado médio a crítico.

Fontes