Pessoas viviam na América do Norte há 26.500 anos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

31 de julho de 2020

Evidências foram encontradas em uma caverna no México, sugerindo que os seres humanos viviam na América do Norte há pelo menos 26.500 anos — muito mais cedo do que a maioria dos cientistas admite, diz um novo estudo.

Atualmente, os primeiros sítios arqueológicos norte-americanos conhecidos datam de 15.000 a 17.000 anos atrás, disse o professor de antropologia Tom Dillehay, da Universidade Vanderbilt, em Nashville, Tennessee.

No entanto, na última edição da revista Nature, os cientistas relataram artefatos encontrados em uma caverna na montanha no estado mexicano de Zacatecas.

Ardelean cipriota da Universidade Autônoma de Zacatecas e outros cientistas dizem ter encontrado ferramentas e detritos de pedra na fabricação de ferramentas, que estimam ter 26.500 anos de idade.

Há indicações de que alguns dos artefatos têm mais de 30.000 anos, mas as evidências ainda não são suficientemente fortes para garantir, acrescentou Ardelean.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com