Médico-chefe de Ternopil renuncia

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

15 de setembro de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Na região de Ternopil, o chefe do departamento de saúde, Volodymyr Bogaychuk, apresentou uma carta de demissão. Isso foi relatado pela agência RegioNews com referência à mensagem de vídeo publicada por Bogaychuk no Facebook.

“Gostaria de informar que renunciei ao cargo de chefe do departamento de saúde de Ternopil. Tomei essa decisão antes, mas devido a pandemia de coronavírus, tive que adiá-la. Obrigado a todos que trabalharam comigo”, disse Bogaychuk no vídeo.

O funcionário não indicou porque só agora deu esse passo.

Observa-se que poucos dias antes de sua renúncia, Bogaychuk disse que “temos as consequências de ignorar as medidas sanitárias, inclusive por parte dos governos locais, que enfraqueceram a quarentena, realizaram eventos de massa”.

Segundo o médico, hoje existem 184 ventiladores na região. Se houver uma internação em massa, os médicos não serão capazes de fornecer uma assistência adequada.

Em 13 de setembro, haviam 2.462 pessoas diagnosticadas com COVID-19 na Ucrânia, 33 mortes foram confirmadas, 650 pacientes recuperados.

Fontes

ru На Тернопольщине главный медик области подал в отставку в разгар эпидемии коронавируса — RegioNews, 15 de setembro de 2020.

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit