Espanha lidera projeto para exportação de cereais da Ucrânia

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

25 de junho de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Pedro Sánchez, Presidente do Governo da Espanha, anunciou que o país está liderando um projeto público-privado que permitirá tirar da Ucrânia cerca de 8.000 toneladas de cereais nos próximos três meses, os quais serão armazenados em vários silos nos portos espanhóis no Mediterrâneo. O projeto, que terá início em meados de julho na fase piloto, conta com a colaboração da Polônia, Luxemburgo e França.

A ONU estima que cerca de 180 milhões de pessoas em 41 países podem sofrer com a crise alimentar agravada pela guerra na Ucrânia. Por isso, Sánchez defendeu a urgência de escoar as safras de cereais ucranianas, bloqueadas pela Rússia, estimadas em mais de 20 milhões de toneladas. Durante seu discurso ontem, Sánchez enfatizou que a Rússia está promovendo uma campanha de desinformação e lembrou que as sanções europeias impostas à Rússia não afetam de forma alguma as exportações de alimentos pelos ucranianos e russos.

Segundo a Forbes em março passado, pouco após a Rússia atacar a Ucrânia, “os dois países exportam cerca de 210 milhões de toneladas do grão, 30% do comércio mundial.”

Notícias Relacionadas

Fontes