EUA: Biden nomeia o general afro-americano Lloyd Austin para liderar o Pentágono

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lloyd Austin

9 de dezembro de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O general aposentado Lloyd Austin é indicado pelo presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, para o cargo de Secretário de Defesa, e seria o primeiro afro-americano a ocupar esse cargo se confirmado pelo Senado.

Austin, um general do exército nascido em 1953 no Alabama e criado na Geórgia, formou-se na West Point Military Academy em 1975 e ascendeu na hierarquia militar durante uma carreira de quatro décadas que começou na lendária 82ª Divisão Aerotransportada em Fort Bragg, Carolina do Norte.

Ele alcançou o posto de general três estrelas e assumiu o comando do Fort Bragg antes de ser nomeado comandante das forças dos EUA no Iraque de 2010 a 2011, onde supervisionou o fim da invasão internacional do país e a retirada de todas as forças americanas.

Austin encerrou sua carreira militar em 2016 como comandante do Comando Central dos EUA, que cobre operações no Iraque, Afeganistão, todo o Oriente Médio e Sul da Ásia.

Ele foi elogiado por seu intelecto e capacidade de liderança por líderes civis e militares. O então presidente Barack Obama disse por ocasião de sua aposentadoria que "seu caráter e competência exemplificam o que os Estados Unidos exigem de seus líderes militares".

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit