COVID-19: brasileiros e britânicos receberão doses da vacina experimental de Oxford

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

3 de junho de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Mais de 2 mil brasileiros e britânicos saudáveis devem receber doses da vacina experimental desenvolvida na Universidade de Oxford, chamada ChAdOx1 nCoV-19. A vacinação faz parte da Fase 2 do desenvolvimento do produto e foi aprovada no Brasil ontem pela Anvisa.

Cerca de mil britânicos já participaram, em abril, da Fase 1 do experimento, que até maio havia sido considerado satisfatório, pois o grupo havia desenvolvido anticorpos, sem sofrer reações adversas graves. Segundo os coordenadores do projeto, a vacina será aplicada no Brasil e Reino Unido porque nos demais países da Europa o surto está sob controle e os poucos novos casos dificultariam o controle do experimento.

"Os estudos iniciais para avaliar a segurança da vacina foram realizados na Inglaterra e os resultados demonstraram que o seu perfil de segurança foi aceitável", escreveu a Anvisa em seu website.

Se aprovada, a vacina pode estar à venda antes do final do ano e será fabricada com ajuda do laboratório AstraZeneca.

Notícia Relacionada

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com