Ataques de rebeldes no Senegal com saldo de 12 pessoas mortas

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

21 de dezembro de 2011

Casamance, Senegal — Um grupo de separatistas da oposição classificados como "rebeldes" no Senegal têm se manifestado nos arredores de uma base militar na região, o que já havia causado a morte de aproximadamente 12 pessoas, entre elas civis e os mesmos manifestantes. As autoridades asseguraram que o motivo desta foi que o Movimento das Forças Democráticas deste lugar da África Ocidental tem lutado para obter a independência desta zona, há mais 20 anos.

A sede da cadeina de noticias BBC World em Dakar (capital do Senegal), assegurou mediante um comunicado que esta não é a primeira vez se dão estas manifestações, já que desde há um tempo tem alterado a ordem pública, por um recente surto desses, as quais haviam chocado em grandes quantidades à população desta região do sul do Senegal .

Por outra parte, as autoridades policiais haviam dito que eles têm mantido a ordem depois o que sucedeu e prometeram que não voltaria a dar-ser um feito de este idole, isso porque o governo de Senegal abrirá uma negociação com o movimento dos manifestantes para poder brindar-lhes a independência.

Fontes[editar]

Reportagem original
Esta notícia contém reportagem original de um Wikicolaborador.

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati