Al Qaeda afirma que assassinou embaixador egípcio

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
LocationIraq.png

8 de julho de 2005

A organização terrorista Al Qaeda no Iraque anunciou nesta quinta-feira a morte do embaixador do Egito Ihab Al Sherif, seqüestrado no sábado (2 de julho) enquanto comprava jornais.

O governo egípcio queria aumentar suas relações diplomáticas com o Iraque. Assim como muitos países árabes, retirou seus embaixadores e diplomatas do país durante a ditadura de Saddam Hussein; um pouco antes de invadir o Kuait.

Em vídeo divulgado na internet Al Sherif está vendado enqüanto uma voz diz "Anunciamos na Al Qaeda no Iraque o veredicto de Deus contra o embaixador dos infiéis, o embaixador do Egito, que foi morto. Obrigado, Deus". O vídeo não mostra a morte, apenas Al Sherif indentificando-se. Ele foi morto como um "inimigo de Deus".

O Egito se manifestou dizendo: "O Ministério egípcio das Relações Exteriores (...) recebeu com grande dor e tristeza as notícias sobre a morte do embaixador Ihab al Sherif."

Notícias Relacionadas

Fontes