Zelensky apela à Dinamarca para apoiar a adesão da Ucrânia à UE

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

15 de junho de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

O presidente ucraniano Volodymyr Zelensky disse no dia 14 que a crise com a Rússia e armas relacionadas é necessária.

“Não posso dizer que temos tudo o que precisamos”, disse Zelensky em uma entrevista coletiva por vídeo organizada pela imprensa dinamarquesa no dia 14.

“Precisamos de mais recursos materiais, é claro, e quero dizer que a Dinamarca está nos ajudando. O primeiro-ministro dinamarquês foi um dos primeiros líderes europeus a vir para a Ucrânia.”

“Houve apoio militar (da Dinamarca) e conversei com o parlamento”, acrescentou.

“Você não pode dizer nada negativo sobre a Dinamarca”, disse Zelensky.

Ele também pediu aos políticos dinamarqueses que apoiem a adesão da Ucrânia à União Europeia.

O presidente Zelensky disse que gostaria que a Dinamarca “cooperasse fortemente com outros países da UE na adesão da Ucrânia à UE.”

O presidente Zelensky também pediu ajuda armamentista, dizendo que a invasão russa não pararia na Ucrânia.

Fontes