Roma disponibiliza 60 € milhões para a compra de ônibus ecológicos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

1 de abril de 2020

Um Tecnobus Gulliver, o único modelo de ônibus elétrico da cidade

O Ministério de Infraestrutura e Transporte (MIT) disponibilizou sessenta milhões de euros à capital Roma, na Itália, para a compra de novos ônibus ecológicos (movidos a gás natural ou elétrico) para o período 2019ㅡ2023.

A atual frota de veículos, com idade média em torno de doze anos (com pico de dezenove e mínimo de menos de um ano), é de fato composta principalmente por carros movidos a diesel, com exceção de alguns microônibus elétricos (reativados em 2019) e algumas centenas de ônibus CNG (91 dos quais foram adquiridos em 2019).

Ainda não se sabe qual estrada o município escolherá, no entanto, esses veículos serão adicionados aos cem híbridos Mercedes-Benz Citaro, que desembarcarão na capital a partir de janeiro de 2021, e a 328 outros carros encomendados no ano passado.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com