Rei da Tailândia reempossa sua concubina

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

2 de setembro de 2020

O rei Maha Vajiralongkorn da Tailândia reempossou hoje sua concubina, Sineenat Wongvajirapakdi. O anúncio foi feito nas redes sociais da Família Real, junto a uma foto, um comunicado e uma mensagem, onde se lia, em tradução do Twitter, "que ela não era mais impura".

Sineenat havia sido concubina de 28 de julho a 21 de outubro de 2019, tendo perdido o posto, segundo o próprio rei na época, por seu "comportamento desrespeitoso e por querer ocupar o papel da rainha".

Esta é mais uma das polêmicas do rei, que vive num hotel exclusivo na Alemanha, em plena pandemia de Covid-19, com um harém de cerca de 20 mulheres.

Seu comportamento, a Monarquia e o Governo Militar foram recentemente alvo de diversos protestos, que levaram milhares de tailandeses às ruas.

Vajiralongkorn assumiu o trono em 2016, após a morte de seu pai, o rei Bhumibol Adulyadej, que reinava desde 1946. O novo rei não foi formalmente coroado até maio de 2019, quando foi carregado em uma plataforma dourada durante uma procissão de seis horas e meia por Bangkok.

Poucos dias antes da coroação, o rei se casou com sua consorte de longa data e deu a ela o título de Rainha Suthida, uma decisão que foi considerada surpreendente.

O rei é protegido de críticas na Tailândia por uma das leis de difamação mais severas do mundo (lei de lesa majestade), com penas de prisão de até 15 anos.

Notícia Relacionada

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com