Radio Liberty foi multada em 300 mil rublos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

29 de agosto de 2020

Um magistrado de Moscou multou a Radio Liberty em 300 mil rublos, por informar falta de respiradores em unidades de terapia intensiva durante pandemia de coronavírus.

“Pelo que entendi pela minha comunicação com os investigadores, eles esperam que o jornalista verifique as informações que só o órgão de investigação pode verificar. Um jornalista deve ter o direito de publicar informações socialmente significativas na forma em que as recebeu”, disse o jornalista.

A Comissão de Investigação considerou a informação falsa e começou a procurar indícios de crime nos termos do art. 207,1 do Código Penal. O jornalista foi obrigado a divulgar o nome do médico que passou a informação. O Gabinete do Procurador-Geral reconheceu o material como proibido para distribuição na Rússia e exigiu o seu bloqueio.

Em 9 de junho, 170 processos administrativos foram abertos na Rússia em 53 regiões e 42 processos criminais em 24 regiões do país.

Fontes

Ligação a um site em russo «Радио Свобода» оштрафовали на 300 тысяч рублей по статье о фейкахOVD-Info, 29 de agosto de 2020

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com