Rússia fecha fronteiras devido a pandemia de COVID-19

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

28 de março de 2020

Mikhail Mishustin e Vladimir Putin em março de 2020, durante visita ao centro de informações que monitora a situação em torno do coronavírus

O presidente do governo da Federação Russa, Mikhail Mishustin, assinou um decreto determinando o fechamento total das fronteiras do Estado a partir de 30 de março. Esta decisão foi tomada devido à disseminação da infecção por coronavírus.

A determinação afirma que o "Ministério dos Transportes da Rússia, juntamente com o Serviço Federal de Segurança da Rússia, o Serviço Federal de Alfândega da Rússia [...], vão restringir temporariamente o movimento através de pontos de verificação automotivos, ferroviários, pedestres, fluviais e mistos através da fronteira estadual da Federação Russa, bem como através do trecho terrestre da fronteira estatal russo-bielorrussa."

Segundo o comunicado, residentes da região de Kaliningrado e estrangeiros não serão afetados. Atualmente, são 2.337 casos confirmados de COVID-19 em todo país e 77 pessoas já morreram.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com