Presidente do Supremo concede liberdade para o banqueiro Daniel Dantas

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência Brasil

10 de julho de 2008

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Gilmar Mendes, concedeu na noite de ontem (9) habeas corpus ao banqueiro Daniel Valente Dantas, dono do Banco Opportunity, à irmã dele, Verônica, e mais nove pessoas presas terça-feira (8) pela Polícia Federal, durante a Operação Satiagraha, sob a acusação de lavagem de dinheiro, corrupção ativa, evasão de divisas e formação de quadrilha.

Cquote1.svg

Ainda que tais fundamentos fossem suficientes, o tempo decorrido desde a deflagração da operação policial indica a desnecessidade da manutenção da custódia temporária para garantir a preservação dos elementos probatórios

Cquote2.svg
Gilmar Mendes, presidente do STF


O ministro alegou que não há fundamentos suficientes que justifiquem a prisão temporária dos acusados. A decisão não beneficia o megainvestidor Naji Nahas e o ex-prefeito de São Paulo Celso Pitta, também presos durante a operação e que continuam presos na Superintendência da PF na capital paulista.

Além dos irmãos Dantas, Gilmar Mendes mandou soltar Daniele Sibergleid Ninnio, Arthur Joaquim de Carvalho, Carlos Bernardo Torres Rodenburg, Eduardo Penido Monteiro, Dório Forman, Itamar Benigno Filho, Norberto Aguiar Tomaz, Maria Amália Delfim de Melo Coutrin e Rodrigo Bhering de Andrade.


Fontes