Presidente chinês abandona reunião do G8 por conta das manifestações em Xinjiang

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

8 de julho de 2009

O presidente chinês, Hu Jintao, deixou de participar da Cúpula do G8, que ocorre na Itália, e decidiu voltar ao país para monitorar os acontecimentos na região de Xinjiang.

A chanceler alemã, Angela Merkel, já havia adiantado que pediria explicações ao presidente chinês sobre o confronto de domingo durante o encontro na Itália. Chineses da etnia Han e Uigures entraram em confronto no domingo e desde então, segue-se uma escalada da violência. O governo local já havia determinado toque de recolher, para evitar novos conflitos.

Hoje, as forças armadas patrulhavam as ruas com veículos blindados, enquanto helicópteros do Exército sobrevoam Ürümqi, reprimindo qualquer início de protesto.

Notícia relacionada

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati