Príncipe Harry e esposa atendem último evento juntos como membros da Casa Real

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

09 de março de 2020

Bandeira do Reino Unido
Outras notícias sobre o Reino Unido
Localização do Reino Unido
fp=as}} Reino Unido
Harry em Meghan em março de 2018

O Príncipe Harry e sua esposa, a atriz americana Meghan Markle, atenderam hoje a seu último compromisso oficial juntos enquanto membros da Casa Real britânica. Eles participaram de um serviço religioso pelo Dia da Commonwealth em Londres.

Antes, desde quinta-feira, eles participaram de diversas outras atividades, no que era a sua agenda final enquanto "realezas".

Entenda

O casal, conhecido também como o Duque e a Duquesa de Sussex, havia anunciado em janeiro passado que estava renunciando a suas funções como membros "senior" da Família Real e que passaria a morar também na América do Norte durante alguns meses do ano. Cerca de 10 dias depois, após algumas reuniões com a presença da Rainha Elizabeth e o Príncipe Charles de Gales, o Palácio de Buckingham, no entanto, anunciou que os dois deixariam definitivamente suas funções como "realezas". Também foi anunciado que eles não usariam mais os títulos de Altezas Reais, não representariam mais a Rainha e a Commonwealth e que Harry não poderia mais usar suas patentes militares.

Há cerca de 10 dias, o casal, que já tinha registrado a marca "Sussex Royal", anunciou que, apesar da Rainha não ser a dona da palavra "royal" e tampouco ter jurisdição sobre seu uso fora do Reino Unido, eles não a usariam mais.

Segundo "experts" em realeza, as decisões da Rainha, bem como a mudança obrigatória em sua marca, foram um "duro golpe" para o casal, que pretendia levar uma vida "50% no Reino Unido e 50% na América do Norte", dividida entre as funções na Casa Real e atividades de interesse privado.

Notícias relacionadas

Fontes

Ligação a um site em inglês Duke and Duchess of Sussex make last appearance as working royalsBBC, 9 de março de 2020

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com