Portugal: Ministra do Ambiente dispensa colaboradores de usar gravata para poupar no ar condicionado

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Amazônia
Outras notícias sobre o meio-ambiente


18 de julho de 2011

A ministra da Agricultura, Mar e Ambiente do governo Português Assunção Cristas, vai dispensar os colaboradores de usar gravata e assim poder reduzir a utilização do ar condicionado, poupando nos valores de electricidade gastos pelo ministério e reduzindo a pegada ecológica do ministério.

Com esta medida, a temperatura com a qual os funcionários do ministério irão trabalhar serão os 25º centígrados, e os cerca de 10.500 colaboradores poderão usar vestimentas mais confortáveis. A medida foi inspirada em medidas idênticas a nível internacional, como a "Cool Biz" no Japão, e as estimativas «apontam para uma redução de dióxido de carbono que tem a ver com o que automóveis ligeiros emitem num dia numa cidade de tamanho médio, em Portugal, como Aveiro, Braga ou Guimarães», segundo Assunção Cristas.


Fontes[editar]

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati