Polônia quer realizar uma cimeira sobre a situação na Bielorrússia

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

10 de agosto de 2020

Bandeira da Polônia
Outras notícias sobre a Polônia
Localização da Polônia
Localização da Polônia

O primeiro-ministro polonês, Mateusz Morawiecki, propôs a realização de uma cúpula extraordinária da União Europeia sobre a situação na Bielorrússia. As informações foram publicadas na agência TASS nesta segunda-feira, 10 de agosto.

Após as eleições presidenciais na Bielorrússia em 9 de agosto de 2020, as autoridades usaram a força contra seus cidadãos, que estão pressionando por mudanças no país. “Devemos apoiar unanimemente os bielorrussos na sua luta pela liberdade. Daí a iniciativa do chefe do governo polaco para o Conselho Europeu lidar com esta questão”, disse a assessoria de imprensa do primeiro-ministro polonês.

Na noite de 9 de agosto, protestos em massa de oponentes de Aleksandr Lukashenko aconteceram na Bielorrússia. O confronto durou quase quatro horas.

De acordo com os dados preliminares divulgados pela Comissão Eleitoral Central da Bielorrússia, Lukashenko obteve 80,23% dos votos, Svetlana Tikhanovskaya recebeu somente 9,90%.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com