Olimpíadas 2020 em Tóquio podem passar sem espectadores

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

22 de julho de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

2020 Summer Olympics text logo.svg
Jogos Olímpicos de Verão de 2020

O chefe do comitê organizador das Olimpíadas de Tóquio, Yoshirō Mori, não descartou a possibilidade de realizar os jogos sem espectadores, se esta for a única opção possível. Ele afirmou isso em uma entrevista ao canal de TV NHK.

As Olimpíadas deveriam ocorrer de 24 de julho a 9 de agosto de 2020. No entanto, devido à pandemia de coronavírus, a competição foi adiada por um ano e será realizada de 23 de julho a 8 de agosto de 2021. Nesse caso, o nome "Tóquio 2020" será mantido.

“No momento, não estamos considerando a opção de realizar os Jogos sem espectadores. No entanto, precisaremos refletir se esse se tornar o único cenário possível”, afirmou. Ao mesmo tempo, Mori enfatizou que, neste caso, o cancelamento dos jogos também é possível, escreve a agência TASS.

Quando perguntado sobre os planos de reduzir os espectadores para manter custos baixos e impedir a propagação do vírus, Mori observou que essa é uma tarefa difícil que exige certos critérios. Como exemplo, ele citou a opção de permitir apenas aqueles que residem permanentemente no Japão de entrar nas instalações esportivas.

Em junho, o comitê organizador dos Jogos de Tóquio falou oficialmente a favor da simplificação do formato da competição no próximo ano. Está planejado que eles sejam organizados com base em três princípios básicos — garantindo um ambiente seguro, minimizando os custos necessários e simplificando o formato dos jogos, a fim de torná-los mais seguros.

Fontes