ONU aumenta medidas de segurança após atentado em Nova Iorque

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Sede da ONU, em Nova Iorque

6 de maio de 2005

A sede da Organização das Nações Unidas em Nova Iorque reforçou hoje sua segurança, um dia depois das duas explosões em frente ao consulado do Reino Unido, a só duas quadras das instalações da ONU.

O porta-voz da Organização, Stephan Dujarric, declarou que pelo momento não se concebem riscos para a ONU e insistiu em que o aumento das medidas de segurança é só precaução. Assim mesmo, explicou que o pessoal de segurança da ONU é mantido informado acerca das investigações pelas autoridades municipais.

Entre as medidas tomadas para melhorar a segurança, está o aumento do número de guardas de segurança nos pontos de acesso do edifício principal e imóveis anexos. Unidades de cachorros detectores de explosivos patrulharão constantemente as instalações.

Um funcionário da ONU, analista da agência para o controle de armamentos no Iraque (UNMOVIC), foi detido para ser interrogado. Ele ainda não é considerado suspeito de ter participação no atentado em Nova Iorque.

Fontes