ONU acompanha de perto a situação na Bielorrússia

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

18 de agosto de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

O representante oficial do Secretário-Geral das Nações Unidas, Stephane Dujarric, disse que a ONU está acompanhando de perto a situação na Bielorrússia.

“Estamos muito cientes das manifestações e eventos que estão ocorrendo neste país. O Secretário-Geral acredita que as queixas das pessoas devem ser ouvidas e que a repressão não é a resposta”.

De acordo com Dujarric, o Secretário-Geral da ONU “acompanha de perto o desenvolvimento dos acontecimentos no país e enfatiza a importância de dar a todos os bielorrussos a oportunidade de exercer seus direitos civis e políticos. Isso inclui a expressão pacífica de seus pontos de vista de acordo com a lei”.

A ONU observou que o funcionário de Minsk deve mostrar moderação na resposta às manifestações.

“As denúncias de tortura e outros maus-tratos de detidos devem ser investigadas minuciosamente”, frisou o representante oficial de António Guterres. “O Secretário-Geral apela a todos os bielorrussos para resolverem os problemas que surgiram após as eleições através do diálogo e para preservar a paz no país”.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com