Menina de doze anos é estuprada na Índia durante o Dia da Independência

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

15 de agosto de 2017

Esta terça-feira, uma menina de doze anos de Chandigarh, Índia, foi estuprada quanto estava de caminho à escola para celebrar o Dia da Independência da Índia.

A menina, estudante da oitava série, passando pelo parque de trânsito para crianças, localizado no Setor 23 da cidade, quando o acusado agrediu a menor. O superintendente Eish Singhal disse que o incidente ocorreu por volta das 8h15min, hora local. Foi apresentado primeiro relatório imediato e o acusado é acusado nos sob os códigos penais 363 por seqüestro, 373 por violação e proteção infantil por crimes sexuais, disse Singhal.

"Ela estava a caminho da escola e entrou no parque da porta dos fundos. [ele acrescentou:] Reunimos alguns suspeitos e a investigação está em andamento.

Eish Singhal

Ela foi levada ao hospital do governo no Setor 16 e depois de um exame médico, se confirmou que a menor foi agredida sexualmente. A polícia disse que apenas uma pessoa estava envolvida no crime e que estava sendo investigada se o acusado usava uma faca. A partir de 2013 após o estupro coletivo de uma estudante de 23 anos dentro de um ônibus na capital indiana, o governo reforcou sua legislação contra agressões sexuais. As penas contra os agressores foram agravadas, e foi introduzida a pena de morte para os casos de estupros que tenham causado a morte da vitima, ou que tenham sido praticados por reincidentes.

Fontes

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati