Manifestantes em Minsk sofreram em confronto com a tropa de choque

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

7 de setembro de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

No domingo, 6 de setembro, vários manifestantes contra a eleição presidencial bielorrussa foram feridos em um confronto com a polícia de choque em Minsk. Testemunhas oculares relataram isso à agência Interfax.

Os participantes do manifesto planejavam se reunir para caminharem ao centro da cidade. De acordo com testemunhas oculares, policiais cercaram as pessoas e começaram a prendê-las. Os manifestantes resistiram e lutaram contra alguns.

A representante oficial do Ministério de Assuntos Internos da Bielorrússia, Olga Chemodanova, disse que cerca de dez pessoas foram detidas em Minsk no domingo. Protestos também estão ocorrendo em outras regiões da Bielortússia.

Segundo a RBC, milhares de pessoas foram às ruas da capital. Um grupo de manifestantes marchou em direção à Praça da Independência. As forças de segurança bloquearam os locais adjacentes, parando seletivamente os habitantes para uma verificação.

No Palácio da Independência, residência de Aleksandr Lukashenko, há dez veículos blindados de transporte de pessoal, informou a RIA Novosti.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit