Mais de 40 mil turistas alemães deixam a Espanha com urgência

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

20 de agosto de 2020

Mais de 40 mil turistas da Alemanha devem deixar as Ilhas Baleares e outros territórios da Espanha na próxima semana devido à situação do coronavírus.

O motivo é a exclusão da Espanha da lista de países seguros para se visitar devido ao aumento dos casos de coronavírus no país. O governo alemão revisou suas recomendações e não recomenda aos turistas que visitassem o território da Espanha, com exceção das Ilhas Canárias.

Ao mesmo tempo, todos os que chegarem da Espanha terão que passar por um teste de coronavírus e permanecer em quarentena até o recebimento do resultado ou apresentar um teste negativo realizado em 48 horas.

Anteriormente, o Reino Unido eliminou a Espanha da lista de países seguros. Portanto, as Ilhas Baleares e os resorts da Espanha terão que terminar a temporada antes do previsto. Cerca de 400 hotéis anunciaram o fechamento.

Na Espanha, o número de casos de coronavírus ultrapassou 364 mil, cerca de 29 mil pessoas morreram.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com