Itália decide adiar eleições locais

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

20 de abril de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram
Província italianas que possuem casos confirmados do novo coronavírus.

O governo italiano decidiu adiar as eleições locais na Campânia, Ligúria, Marcas, Apúlia, Toscânia e Vêneto para setembro. Tal disposição apareceu no decreto adotado relativo às eleições para governo local, que enfatiza a necessidade de levar em consideração a situação epidêmica de cada região.

Um dos ministros disse que as eleições poderiam ser realizadas não antes de setembro. Devido à situação relacionada ao SARS-CoV-2, o Conselho de Ministros considerou apropriado adiar as eleições locais, assim como o referendo sobre a redução do número de parlamentares, que aconteceria em 29 de março.

Como indicado, o mandato das autoridades regionais dessas seis regiões foi prorrogado até 31 de agosto. Foi ordenado que as eleições fossem realizadas no dia 6 de setembro. A pandemia de COVID-19 já causou a morte de 24.648 pessoas na Itália, 183.957 casos já foram confirmados.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit