Israel declara fronteira com Gaza "zona militar fechada" e ataques continuam contra os palestinos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

29 de dezembro de 2008

A zona de fronteira de Israel com a faixa de Gaza foi declarada "zona militar fechada" pelo Exército israelense nesta segunda-feira, segundo anunciou um porta-voz militar, no mesmo dia em que a Força Aérea israelense lançou novos bombardeios contra a região que mataram sete pessoas, quase todos menores ou mulheres. Essa declaração poderia ajudar Israel a preparar uma ação por terra contra o Hamas, grupo militante islâmico que controla Gaza.

A justificativa é que militantes palestinos podem retaliar, lançando foguetes, os ataques israelenses ao território ocorridos desde sábado. Os ataques visam responder ao grupo radical islâmico Hamas, que se recusou a renovar a trégua de seis meses assinada com Israel e que acabou no último dia 19.

Notícias relacionadas

Fontes