Iota se transforma num furacão de categoria 5; Nicarágua está em seu caminho

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

16 de novembro de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram
O Iota hoje, como um furacão de categoria 5, a mais alta existente

O furacão Iota se transformou nas últimas horas num ciclone de categoria 5, a maior de todas, e seus ventos estão agora em torno de 260km/h. "Ventos catastróficos" são esperados na Nicarágua, onde ele deve atingir a região de Bilwi, a mesma que o furacão Eta castigou duas semanas atrás.

Na costa de Honduras ele deve atingir com mais severidade a região de Punta Patuca.

Após chegar à costa, próximo à fronteira dos dois países, nas horas seguintes ele deve perder força, mas seguir rumo ao centro da América Central, atingindo o interior da Nicarágua e de Honduras, o leste de El Salvador e da Guatemala e o sul de Belize.

Além dos ventos intensos, que podem destelhar prédios e derrubar árvores e postes de energia elétrica, o alerta também é para chuvas fortes, que podem causar enchentes e deslizamentos de terra.

Notícias Relacionadas

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com