Filha ilegítima do rei Alberto da Bélgica quer título de princesa

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

11 de setembro de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

A imprensa reportou ontem que Delphine Boël, a filha ilegítima do rei Alberto da Bélgica, está batalhando num tribunal do país para receber o título de princesa, além de uma renda anual e uma residência pagas pelo Estado. A informação foi confirmada ao La Libre Belgique pelo advogado de Delphine, Marc Uyttendaele, que disse que ela "quer ter exatamente as mesmas prerrogativas, títulos e qualidades que os seus irmãos e irmãs".

Alberto admitiu ser pai de Delphine em janeiro passado, após uma batalha de cerca de cinco anos nos tribunais. O ex-rei dos belgas só reconheceu a paternidade após ser obrigado a fazer um teste de DNA.

Delphine, por ter sido gerada fora de um relacionamento (casamento) aprovado pelo Parlamento, o que é praxe nas Monarquias, não tem direitos e deveres com a Casa Real e a Família Real.

O juiz deve dar o veredito no final de outubro.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit