Enfrentamento entre policia do México e estudiantes provoca duas mortes

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

12 de dezembro de 2011

Um enfrentamento entre policias do estado de Guerrero e estudantes Escuela Normal Rural "Raúl Isidro Burgos", de Ayotzinapa, Guerrero, ocorrido na Autopista del Sol, que conecta a Cidade do México e o porto turístico de Acapulco, deixou um saldo de dois estudiantes mortos, feridos r un número indeterminado de detidos.

Os protestantes bloquearam a autoestrada exigindo a reinício das aulas na Normal de Ayotzinapa. Uns 200 policiais estaduais tentaram dispersar os estudantes com gases lacrimogêneos, o que se iniciou um enfrentamento. Os jovens, estacionados na altura da capital de Guerrero, Chilpancingo, repeliram a agressão com paus, pedras e coquetel molotov, na qual alcançaram um posto de gasolina. Os políciais dispararam pelo ar para disperar os estudantes, no entanto, dois deles estavam na autoestrada, mortos por bala.

Embora em fotos difundidas em redes sociais se vê os elementos da Polícia Federal do México em fotos posteriores ao enfrentamento, a dita agência negou sua participação nos lugares e acusou que as morte puderam estar implicados as polícias locais.

Fontes[editar]

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati