Emissões de CO2 da UE caíram 7% o ano passado devido à crise económica

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Amazônia
Outras notícias sobre o meio-ambiente


14 de setembro de 2010

De acordo com a Agência Europeia do Ambiente, no ano de 2009 verificou-se uma queda de emissões de dióxido de carbono de cerca de 7% na União Europeia, essencialmente devido à crise económica que afectou os estados membros, levando-os à recessão.

Desde 2003 que as emissões têm vindo a diminuir, atingindo 4 940,000 milhões de toneladas equivalentes de CO2 em 2008. Em comparação com as emissões de 2007, isto representa uma redução de 99 milhões de toneladas, ou 2%. Com as emissões de 2008 11,3% abaixo dos níveis de 1990, a UE-27 já atingiu mais de metade da sua meta de redução unilateral de 20% até 2020 através de reduções de emissões domésticas.

A Espanha foi responsável por um terço da redução líquida na UE-27, principalmente devido a uma substituição substancial de carvão por gás natural e uma queda acentuada no consumo de gasolina no transporte rodoviário, complementada por um aumento na geração de energia renovável.

Apesar da redução das emissões em Portugal, o país encontra-se ainda 27,0 % acima do total de emissões projectado para 2012

Fontes[editar]

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati