EUA propõem diminuir para US$ 15 bilhões subsídios ao setor agrícola

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

22 de julho de 2008

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Susan Schwab, representante comercial dos Estados Unidos na Organização Mundial do Comércio (OMC), propôs nesta terça-feira (22) um limite de US$ 15 bilhões por ano no pagamento de subsídios aos produtores agrícolas estado-unidenses, como forma de fazer avançarem as negociações na Rodada Doha de liberalização do comércio global.

A oferta, longamente aguardada, está condicionada à disposição de outros países da Organização Mundial de Comércio de fazerem concessões para abrir seus mercados a produtos agrícolas e industriais.

'Esta é uma medida importante, tomada de boa fé com base na expectativa de que os outros serão recíprocos e anunciarão ofertas melhores para o acesso aos mercados. Esses cortes trarão reduções efetivas e significativas no apoio ao mercado doméstico que distorce o comércio'

—Susan Schwab, representante comercial dos Estados Unidos na Organização Mundial do Comércio

Mesmo com a redução, para os países do G20 (grupo de países emergentes, liderado por Brasil e Índia) o valor ainda é considerado elevado. Consideram adequado um limite de US$ 12 bilhões para os subsídios.

Fontes