EUA propõem diminuir para US$ 15 bilhões subsídios ao setor agrícola

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

22 de julho de 2008

Susan Schwab, representante comercial dos Estados Unidos na Organização Mundial do Comércio (OMC), propôs nesta terça-feira (22) um limite de US$ 15 bilhões por ano no pagamento de subsídios aos produtores agrícolas estado-unidenses, como forma de fazer avançarem as negociações na Rodada Doha de liberalização do comércio global.

A oferta, longamente aguardada, está condicionada à disposição de outros países da Organização Mundial de Comércio de fazerem concessões para abrir seus mercados a produtos agrícolas e industriais.

Cquote1.png

Esta é uma medida importante, tomada de boa fé com base na expectativa de que os outros serão recíprocos e anunciarão ofertas melhores para o acesso aos mercados. Esses cortes trarão reduções efetivas e significativas no apoio ao mercado doméstico que distorce o comércio

Cquote2.svg
Susan Schwab, representante comercial dos Estados Unidos na Organização Mundial do Comércio



Mesmo com a redução, para os países do G20 (grupo de países emergentes, liderado por Brasil e Índia) o valor ainda é considerado elevado. Consideram adequado um limite de US$ 12 bilhões para os subsídios.


Fontes