ELN ordena cessação das ações ofensivas em toda a Colômbia

Fonte: Wikinotícias

4 de julho de 2023

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

O Exército de Libertação Nacional (ELN) ordenou o fim das ações ofensivas, no âmbito do processo de paz que esta guerrilha está levando a cabo com o governo colombiano.

Em comunicado, o ELN indica que “a partir das 00h00 do dia 6 de julho, até às 00h00 do dia 3 de agosto de 2023, as estruturas do Exército de Libertação Nacional devem cessar todas as ações militares ofensivas contra as Forças Armadas e das Polícias em todo o território nacional, incluindo ações de inteligência”.

No entanto, no texto, a guerrilha também indica que "todos os dispositivos de Defesa e Segurança permanecerão ativados para responder a ameaças ou ataques de qualquer grupo ou estabelecimento armado contra nossas unidades ou contra a população civil".

Os diálogos entre o ELN e o governo começaram no final de 2022 na Venezuela, onde foi antecipado o primeiro ciclo de negociações, que continuou no México em março deste ano e depois em Cuba.

O presidente Petro, o primeiro esquerdista da história da Colômbia, avançou como um dos principais objetivos de seu mandato: a conquista da "paz total" no país.

Notícias relacionadas

Fontes