Depois do dia incerto de ensaios da Eurovisão, UER colocará sanções contra Espanha

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
A participação de Soraya Arnelas na final de Eurovisão está confirmada, mas RTVE vai enfrentará consequências.
Foto: 20 minutos

18 de maio de 2009

Moscovo/Moscou, Rússia e Madrid, Espanha

Após um dia tenso de ensaios, durante a qual a rede espanhola de Radiotelevisión Española (RTVE) diz publicamente que a União Europeia/Européia de Radiodifusão (UER) não impor sanções por não transmitir a segunda semifinal da Eurovisão ao vivo, a UER já elaborou uma comunicação oficial contradizendo RTVE em que anuncia que sejam aplicadas sanções à Espanha. A representante deste ano e finalista da anteriorOperación Triunfo, Soraya Arnelas, não será afetada pela decisão da UER e poderá apresentar a canção "La noche es para mi" ("A noite é para mim", em espanhol) em Moscou/Moscovo no sábado, como inicialmente programado.

Na sexta-feira à tarde, o jornal ABC anunciou que embora RTVE e UER dialogassem durante todo o dia, a apresentação de Soraya não estava em perigo, uma vez que participou nos ensaios de vestuário na mesma tarde. Depois, a UER apresentou no seu comunicado que diz: "A rede espanhola [RTVE] não transmitiu a segunda semifinal (Quinta-feira, 14 de maio) o Concurso ao vivo fa Eurovisão 2009, apesar de que esta transmissão era obrigatória pelas regras do Concurso Eurovisão 2009 (...) O grupo de Referência do Concurso Eurovisão decidirá uma sanção na próxima reunião deste ano, após a concorrência deste ano."

O jornal El Mundo foi o primeiro a publicar afirmações dos representantes da RTVE em que foram citadas dizendo "A UER não vai tomar medidas" e "Não haverá nenhum tipo de sanção." Quando lhe perguntaram por que eles adiaram a semifinal da Eurovisão, causando descontentamento entre os votantes, RTVE respondeu "escolhemos a opção menos prejudicial". El Mundo notou que os fãs da Eurovisión Española estavam em desacordo, com um grande volume de sentimentos negativos, por que a mensagem de bordo da Eurovisión RTVE desmoronou. O concurso da Eurovisão é um evento muito popular na Espanha, mais de 80% dos domicílios sintonizados no show a cada ano.

Não é a primeira vez que RTVE envolve polêmicas esta semana. Na quarta-feira, a rede estava sob fogo pela reação dos fãs ao hino nacional espanhol tocado antes da partida da Copa del Rey (Copa do Rei) entre Atlético de Bilbao e Barcelona, duas equipes localizadas em regiões onde existe um forte sentimento separatista da Espanha (Catalunha e País Basco). Durante a transmissão do hino, os fanáticos gritaram frases e insultos contra o rei Juan Carlos I. O diretor de esportes RTVE foi imediatamente despedido pelo incidente. Uma pequena opinião no El Mundo pediu mais demissões ao estabelecer paralelos entre a incompetência no evento Eurovisão e o evento da Copa del Rey.

Fontes