Covid-19: Seicheles, o país que mais vacina na África, já imunizou 50% dos adolescentes com uma dose

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

24 de setembro de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Cerca de 4.800 jovens de 12 a 17 das Seicheles, dos cerca de 7.000 do arquipélago, já receberam ao menos uma dose da vacina contra covid-19 da Pfizer, comunicou o Ministério da Saúde hoje. O imunizante foi uma doação do governo dos Estados Unidos através do programa Covax e a campanha para vacinar este público havia começado no dia 10 de setembro. Segundo Sanjeev Pugazhendhi, do Ministério da Saúde, a campanha de sucesso entre os adolescentes reflete que há "uma aceitação muito boa" por este público.

Grupos mais vulneráveis, como de idosos e de pessoas com doenças pré-existentes, também começarão a receber uma terceira dose de uma vacina.

Seicheles é o país que mais vacina na África, anunciou a OMS África dias atrás, quando a nação chegava a uma taxa de 72% de sua população vacinada com ao menos uma dose de uma vacina contra a covid - além da vacina da Pfizer, estão em uso no país a da Sinopharm, a Covishield e a Sputnik V.

Até agora, as Seicheles, um arquipélago no oeste do Oceano Índico, registrou 21.257 casos de covid-19 e 115 mortes pela doença.

Notícias Relacionadas

Fontes


Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit