Copa América: seleção da Venezuela tem 11 infectados com covid-19; time enfrenta seleção brasileira hoje

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

13 de junho de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

A Federação de Futebol da Venezuela anunciou ontem que onze pessoas de sua equipe de futebol masculino testaram positivo para covid-19: oito jogadores e três membros do grupo técnico. "Todos foram isolados imediatamente", diz o comunicado, ainda enfatizando que toda equipe havia testado negativo antes de embarcar rumo ao Brasil, sede da Copa América 2021.

Devido à necessidade de substituir os jogadores infectados, uma convocatória de emergência foi aprovada pela Conmebol e ontem à noite um grupo de 15 jogadores venezuelanos chegou ao Brasil.

Marcelo Queiroga, ministro da Saúde do Brasil, falou sobre o assunto durante coletiva de imprensa ontem à tarde dizendo que, seguindo os protocolos, todos estão isolados no hotel. "Estamos fazendo uma vigilância redobrada, como nos comprometemos", explicou Queiroga, sobre a realização da Copa em solo brasileiro, após a Colômbia e a Argentina desistirem de sediar o evento.

Jogo de estreia

A Venezuela e o Brasil fazem hoje, no final da tarde, o jogo de estreia da Copa, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

Dez equipes participam do torneio, cuja final será em 10 de julho próximo, em jogos que serão realizados em Brasília, Cuiabá, Goiânia e Rio de Janeiro.

Copa sob protocolos de covid-19

Estados como o Rio Grande do Sul e São Paulo se negaram a receber o evento, temendo aumento de casos de covid.

Além da exigência de testes negativos para covid de toda equipe que chega ao Brasil, todos os jogos serão realizados sem público.

Notícias Relacionadas

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit