Calexit: o movimento "Yes California" quer a saída da Califórnia dos Estados Unidos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

20 de novembro de 2016

Los Angeles, Califórnia, Estados Unidos

Após a vitória eleitoral surpreendente de Donald Trump na eleição presidencial norte-americana, logo após a eleição surgiu em muitos estados os protestos sob o slogan "No my president" ("Não é meu presidente", em inglês).

No estado da Califórnia, agora estão a formar iniciativa de protesto "Yes California" ("Sim à Califórnia", em inglês) e destina-se a cidadãos na Califórnia, que não aceitam o presidente eleito Trump.

O seu objectivo é a saída da Califórnia dos Estados Unidos, que se referem o chamado de "Calexit". A página inicial da iniciativa é promover um referendo em que os cidadãos da Califórnia pode decidir sobre uma saída até o ano de 2019.

Co-fundador da iniciativa é Marcus Ruiz Evans. Ele vê grandes diferenças para "referendo proposto sobre a adesão do Reino Unido da União Europeia", de modo a saída prevista do Reino Unido da União Europeia. Ele diz: "Nossos valores na Califórnia são completamente diferentes. Nós amamos imigrantes e nós queremos abrir as fronteiras, queremos câmbio mais internacional". Ele terá certeza de que a Califórnia economicamente mais forte poderia enfrentá-lo sozinho.

Entre os advogados, é considerada controversa, se um estado está autorizado a deixar os Estados Unidos. Provavelmente concordaria a uma tomada do Congresso dos EUA.

A Califórnia é o estado mais populoso dos Estados Unidos e continua maior parte dos dados para Produto Interno Bruto. Na eleição presidencial de 60% dos eleitores tinham votado para o candidata democrata derrotada Hillary Clinton.

Fontes[editar]

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati