Banco Central do Laos toma medidas para mitigar os impactos do COVID-19

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

31 de março de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram
Edifício do Banco Laos PDR em Vientiane

O Banco da República Democrática Popular do Laos (Laos PDR) emitiu uma declaração sobre as medidas tomadas para mitigar o impacto da pandemia de COVID-19 no setor dos negócios.

O banco afirma que, embora alguns setores da economia não fossem afetados pela pandemia, tomou medidas para reduzir o impacto negativo através da introdução de várias medidas de apoio ao setor empresarial: redução das taxas de juros, mudanças no depósito compulsório e uso de novas políticas de crédito para suporte ao setor comercial. Essas medidas, tomadas pelo Laos PDR, fazem parte da política do governo que convida todas as organizações, inclusive o setor bancário, a tomar medidas financeiras para ajudar os setores afetados.

Os bancos comerciais e instituições financeiras devem considerar a redução da taxa de juros e das taxas de serviço para os mutuários afetados pela pandemia, considerar o fornecimento de financiamento adicional, se necessário, e reestruturar dívidas estendendo reembolsos ou contratos de empréstimo com período de carência de 1 ano ou mais. Após a implementação desta política de crédito, bancos comerciais e instituições financeiras facilitarão a implementação de certos requisitos relevantes do Laos PDR.

O diretor-geral do departamento administrativo do Banco Laos PDR disse que em uma situação em que muitos países, incluindo o Laos, estão enfrentando dificuldades devido ao COVID-19, essas ações realizadas são apropriadas e oportunas, exortou os bancos comerciais e instituições financeiras a implementar essa política de crédito em conformidade e também expressou a esperança de que a adoção dessas medidas leve ao fato de que a comunidade empresarial sentirá algum alívio neste momento difícil.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit