Australiana conserta caiaque com camisinha e ganha o bronze

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
2020 Summer Olympics text logo.svg
Jogos Olímpicos de Verão de 2020

30 de julho de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

A australiana Jessica Fox teve problemas com o seu barco durante a descida na disputa K1, quando o caiaque, feito de fibra de carbono, teve que ser consertado. Após usar alguns materiais para o conserto, o técnico colocou também um preservativo na popa para apoiar a reparação.

Na maioria dos Jogos Olímpicos, os preservativos na Vila Olímpica tornam-se um assunto de interesse - de modo geral, pela quantidade utilizada pelos atletas. No entanto, em 2021, um preservativo em particular tornou-se o foco das atenções para a canoagem slalom e o motivo de medalhas!

Após a reparação, Fox desceu o rio e conquistou o terceiro lugar e a medalha de bronze na competição K1.

No entanto, Jéssica não parou por aí, afinal a K1 não era sua única disputa nas Olimpíadas. Ela voltou para a prova de canoa ontem e levou o ouro.

A australiana ganhou muitos campeonatos de canoagem e participou das Olimpíadas pela terceira vez, onde esperava ganhar uma medalha de ouro sem precedentes. Em Tóquio este ano, sua mãe (uma ex-canoísta que participou das Olimpíadas de Atlanta), o pai (também é ex-atleta do esporte) e sua irmã Noemie (que também disputou provas) foram seu grande apoio.

"Nós passamos por tantas coisas juntos e eles foram parte da minha jornada", disse Fox em uma entrevista após conquistar o ouro da classe C1. "Minha irmã é minha parceira de treino e minha adversária e minha mãe é minha treinadora. Ela mesma já perdeu um ouro por muito pouco. Dedico a elas todas as minhas lágrimas, todos os gritos, todo o amor e a alegria", disse ela.

Fonte

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit