88 traficantes de seres humanos presos internacionalmente

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Jürgen Stock, secretário-geral da Interpol

10 de abril de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

A Interpol diz que prendeu 88 traficantes de seres humanos em uma operação internacional. Ela informou que também resgatou 500 vítimas.

A operação, batizada de “Weke”, que significa parada em suaíli, aconteceu de 28 de março a 2 de abril em 24 países, entre eles Quênia, Brasil e França.

Um dos resgatados é uma garota congolesa de 15 anos, que a Interpol disse ter sido abusada sexualmente enquanto era contrabandeada para evitar um casamento forçado.

Trabalhadores da construção civil do Líbano, Síria e Jordânia também foram resgatados da República Democrática do Congo. A Interpol disse que tiveram seus passaportes roubados e não foram pagos.

“Essas vítimas não podiam simplesmente fugir da situação horrível em que se encontravam e do sofrimento que enfrentaram”, disse o secretário-geral da Interpol, Jürgen Stock, em um comunicado.

A Interpol disse que a pandemia COVID-19 impulsionou o tráfico e contrabando de pessoas porque “os mais vulneráveis estão desesperados para escapar das dificuldades e as redes criminosas estão ansiosas para obter mais lucro”.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit