É lançado em Cali, Colômbia, a III Copa de Volêibol Sentado

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

21 de julho de 2015

Cali, Colômbia

Esta terça-feira na tarde foi realizada a apresentação da III Copa o voleibol sentado com uma partida de exibição entre Disfad (Discapacitados con Fe y Amor al Deporte, Descapacitados com Fé e Amor ao Esporte) e a Seleção Juvenil do Valle del Cauca.

O evento esportivo que será realizado em Cali entre os dias 27 a 31 de julho, é apoiado pela Federação Nacional de Provedores de Justiça (Federación Nacional de Personeros), a Personalidade de Cali, RecOn, o Prefeito da Cidade, a Embaixada da Suécia na Colômbia, o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento e ONU Colômbia, e participaram 144 esportistas que compõem as equipes provenientes de Monteria, Bogotá, Caucasia, Cartagena, Quibdó, Popayan, Riohacha, Neiva e Medellín, além de duas equipes das Forças Militares.

Intervenção do alcalde (prefeito) de Cali Rodrigo Guerrero.
Imagem: Sahaquiel9102.

O evento começou com a apresentação da Sinfônica Batuta Somos Pacifico. A ONU interveio no evento através do seu programa Respira Paz, na qual busca conscientizar sobre o adequada manipulação das situações da cotidianidade para contribuir à construção da paz, em um momento em que o Governo buscando um acordo de paz com as FARC em Havana (Cuba). Logo, usaram a voz o Provedor de Justiça e o prefeito de Cali, que ressaltaram a realização do evento na cidade, reconhecida como a Capital Esportiva da Colômbia e que já havia sediado eventos esportivos como os Jogos Mundiais de 2013, o Campeonato Mundial de Ciclismo em Pista de 2014 e o Campeonato Mundial Juvenil de Atletismo de 2015 realizada na capital do vallecauana (Valle), na semana passada.

Fernando Aguirre, de Disfad, destacou a importância da reconciliação para um país, cujo conflito interno armado havia deixado milhares de pessoas em situação de deficiência, resaltando que Disfad havia sido constituída por civis e ex-combatentes tanto as forças militares, como dos grupos alzados em armas à margem da lei, sendo um exemplo de reconciliação.

O grupo é um laboratório do que poderia ser Colômbia, integração, a capacidade de reconciliar-nos [...] É o espaço para que as pessoas de um bando e do outro já não diferenciarem seus problemas com arma de fogo, mas com um balão. É muito interessante quando o esporte é o meio pelo qual você vai a mudar uma diferença de opinião com outra pessoa: se perdoar, se joga, se diverte, se competir e se saca o melhor de cada ser humano.
(El grupo es un laboratorio de lo que podría ser Colombia, integración, la posibilidad de reconciliarnos [...] Es el espacio para que las personas de un bando y del otro ya no diferencien sus problemas con arma de fuego sino con un balón. Es muy interesante cuando el deporte es el medio por el cual vas a cambiar una diferencia de opinión con otra persona: se perdona, se juega, se divierte, se compite y se saca lo mejor de cada ser humano.)

Fernando Aguirre, representante da Disfad.

Após à apresentação do grupo de salsa Swing Latino ocorreu a partida de exibição entre os jogadores da Disfad e da Seleção Juvenil del Valle de Cauca, em uma quadra de 10 metros de comprimento por 6 metros de largura, que foi disputado no Bulevar del Río, à altura da Puente Ortiz da cidade colombiana.

Após a partida de exibição, que terminou em favor de Disfad, 25 a 17, dois agrupações da música de dança urbana, Family Urban Art e Sticky Dance, encerrou o evento.

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati