Uganda: Governo proíbe cobertura jornalística de actividades da oposição

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência VOA

5 de maio de 2016

No Uganda, os jornalistas que reportarem as actividades do Fórum para a Mudança Democrática (FDC) terão as suas carteiras profissionais confiscadas, advertiu o governo.

O banimento foi anunciado, hoje, em Kampala, pelo ministro da informação, que chamou as acções reivindicativas do partido FDC de “campanha de desobediência”.

Quem violar, poderá também ser preso, disse o dirigente.

O FDC reclama, entre outros, uma auditoria independente das eleições presidências conquistadas, em Fevereiro, por Yoweri Museveni, que cumpre o quinto mandato.

Uma manifestação do partido foi impedida pela polícia, hoje.

Kizza Besigye, líder daquele partido, continua em prisão domiciliária.

Fonte

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via Google+ Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati