Uganda: Governo proíbe cobertura jornalística de actividades da oposição

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Agência VOA

5 de maio de 2016

No Uganda, os jornalistas que reportarem as actividades do Fórum para a Mudança Democrática (FDC) terão as suas carteiras profissionais confiscadas, advertiu o governo.

O banimento foi anunciado, hoje, em Kampala, pelo ministro da informação, que chamou as acções reivindicativas do partido FDC de “campanha de desobediência”.

Quem violar, poderá também ser preso, disse o dirigente.

O FDC reclama, entre outros, uma auditoria independente das eleições presidências conquistadas, em Fevereiro, por Yoweri Museveni, que cumpre o quinto mandato.

Uma manifestação do partido foi impedida pela polícia, hoje.

Kizza Besigye, líder daquele partido, continua em prisão domiciliária.

Fonte

Compartilhe essa notícia: Shared via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Newsvine Compartilhe via Reddit.com Share on stumbleupon.com Compartilhe via Technorati