UE reduz lista de países para os quais abrirá fronteiras

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

16 de julho de 2020

A União Europeia decidiu reduzir a lista de países para os quais abrirá suas fronteiras, excluindo a Sérvia e Montenegro.

"Os países da UE chegaram a um entendimento sobre a necessidade de remover a Sérvia e Montenegro da lista, devido ao agravamento da situação epidemiológica na região", disse a fonte ouvida pela agência TASS.

Segundo o interlocutor da agência, a segunda edição da lista de países seguros entra em vigor em 15 de julho. A versão final da lista inclui Canadá, Austrália, Nova Zelândia, Japão, Coreia do Sul, Tailândia, Argélia, Tunísia, Marrocos, Ruanda, Geórgia e Uruguai.

As fronteiras ainda podem ser abertas para China, mas até agora o requisito de reciprocidade permanece válido em relação a ela. A questão é que Pequim deve simultaneamente abrir fronteiras para os países do bloco.

A Hungria é o primeiro país da UE a abrir fronteiras para a entrada da Rússia e a partir de 15 de julho começará a aceitar russos em seu território.

Fontes

Compartilhe
essa notícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram Compartilhe via LinkedIn Compartilhe via Digg.com Compartilhe via Reddit.com