Tzipi Livni vence eleição do Kadima e tenta formar coalizão em Israel

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tzipi Livni, em Davos (2008)

18 de setembro de 2008

A ministra das Relações Exteriores de Israel e nova líder do partido Kadima (centro), Tzipi Livni, eleita na última quarta-feira (17), começa a negociar a formação de uma nova coalizão para governar Israel. No entanto, a tarefa será complicada pela vitória apertada que obteve sobre o ministro dos Transportes, Shaul Mofaz, nas primárias do Kadima.

Cquote1.png

Vou começar a me reunir com os representantes de outros partidos no Knesset (Parlamento) para formar o mais rápido possível uma nova coalizão diante dos graves desafios que Israel tem pela frente

Cquote2.svg
Tzipi Livni



Para substituir Ehud Olmert no cargo de primeiro-ministro, Livni terá 42 dias, a partir da data em que for oficializada vencedora pelo presidente israelense, Shimon Peres, para formar uma nova coalizão. Caso contrário, novas eleições legislativas serão marcadas para o início de 2009. Ela pode se tornar a primeira mulher a governar Israel desde Golda Meir, na década de 1970.


Fontes