Tornados deixam onda de destruição e morte nos Estados Unidos

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

11 de dezembro de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram LinkedIn Reddit
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Uma série de cerca de 30 tornados originados a partir de uma tempestade atingiu os estados do Arkansas, Illinois, Kentucky, Missouri e Tennessee, no Centro-Leste dos Estados Unidos (EU), entre a noite de ontem e esta madrugada. O mais atingido entre eles foi o Kentucky, onde há mais de 70 mortos.

O número total de óbitos pode passar de 100, no entanto, e ao menos duas fatalidades foram reportadas em Illinois num armazém da Amazon, cujo telhado desabou. Segundo o Accu Weather, "com o número de mortos superando 70 só no Kentucky, 2021 é agora o ano mais mortal para tornados desde 2011".

O governador do Kentucky, Andy Beshear, declarou estado de emergência e o presidente do país Joe Biden seguiu a decisão. Biden disse que o fenômeno era "o tornado mais grave na história de Kentucky", que “este é provavelmente um dos maiores surtos de tornado da história dos EU" e que "o governo federal fará de tudo, tudo que for possível para ajudar.”

Em seu Twitter a Metsul reportou que as cidades de Mayfield e Dawson Springs, no Kentucky, haviam sido devastadas e em seu portal que as "imagens de radar captaram destroços sugados pelo tornado a 37 mil pés que é a mesma altitude de cruzeiro dos aviões", o que os meteorologistas do portal relatam ser "raro".

Recorde

Um dos tornados pode ter estabelecido um novo recorde depois de 96 anos, ao percorrer 223 milhas (358 quilômetros) entre o nordeste do Arkansas até o condado de Breckinridge, no Kentucky. "O recorde anterior, de acordo com o Weather Channel, era do Tornado Tristate de 1925, que deixou 695 mortos e mais de 15.000 casas destruídas", reporta o Lexiton Herald.

Fontes